Header Ads

Sem estádio, Misto pode desistir de disputar Série B estadual

Clube estuda outras duas possibilidades: atuar com portões fechados
ou mandar jogos fora de Três Lagoas (Foto: Arquivo/Rádio Caçula)
Se com apenas três equipes, a Série B do Campeonato Sul-Mato-Grossense já parece longe de sair do papel, a situação da competição pode ficar ainda mais delicada na próxima semana, quando o Misto pode oficializar a desistência e garantir a Cena e Operário de Dourados o acesso à elite estadual sem nem entrar em campo.

A dificuldade do clube consiste na liberação do estádio Madrugadão, em Três Lagoas, onde manda seus jogos. De acordo com o presidente do Carcará, Gerson Corrêa, o local conta atualmente com apenas dois dos quatro laudos necessários – de Engenharia e Corpo de Bombeiros –, restando ainda a aprovação da Polícia Militar e Vigilância Sanitária.

Corrêa lembra que desde março trabalho em conjunto com a Secretaria Municipal de Esportes, Juventude e Lazer (Sejuvel), porém, a aprovação dos laudos tem esbarrado na burocracia e exigências da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS). Na última quinta-feira (19), uma forte tempestade que atingiu Três Lagoas derrubou parte do muro do estádio Madrugadão, o que deverá prolongar ainda mais a liberação pelas autoridades.

Como medida reparadora, a diretoria do alvinegro cogita duas possibilidades: a primeira – e mais viável –, seria mandar os jogos do Madrugadão com os portões fechados, ou seja, sem a presença do torcedor, enquanto a segunda seria transferir os jogos para outra cidade que tenha estádio com laudos em vigor, podendo ser até mesmo no Andradão, em Nova Andradina, ou Douradão, em Dourados, casas dos rivais pelo acesso Cena e Operário, respectivamente. Esta, no entanto, é vista como última opção, visto os gastos que seriam gerados com as diversas viagens durante a competição.

Na próxima segunda-feira (23), uma reunião entre o clube, o secretário de Esportes, Leandro Dias, o vereador Sargento Rodrigues, e o presidente da FFMS, Francisco Cesário, deverá dar fim ao impasse e oficializar a permanência ou desistência do Carcará na Série B. Caso confirme a saída da competição, o clube fica impossibilitado de disputar competições oficiais até 2019, podendo retornar apenas em 2020.

Até o momento, o Misto é o único dos três participantes que não conta com elenco definido e em preparação para a Série B, que deverá ser montado após a definição sobre a participação com jogadores locais e regionais. Cena e Operário de Dourados já treinam visando a competição, que deve o início adiado e não tem data prevista para as partidas.


Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.