Header Ads

Diretoria do Comercial se encontra para discutir futuro de Paulo Telles e comissão técnica

Presidente do clube, Valter Mangini elogia técnico Valter Ferreira,
que deve seguir a frente da equipe (Foto: Divulgação)
Depois de ser eliminado pelo Sete de Setembro nas quartas de final do Campeonato Sul-Mato-Grossense, o Comercial já tem a Série D do Campeonato Brasileiro como meta e inicia, em reunião da diretoria executiva na noite desta segunda-feira (10), o planejamento para avaliar os nomes que seguem para a competição nacional, entre eles o gestor de Futebol, Paulo Telles, e a comissão técnica.

Segundo o presidente do clube, Valter Mangini, no encontro dos dirigentes será discutido a respeito do trabalho de Telles, quem montou o grupo que caiu de forma precoce no estadual, e também do técnico Valter Ferreira, a quem atribui uma chance maior de seguir a frente da equipe.

“Vamos avaliar e discutir o trabalho do Valter [Ferreira] e do [Paulo] Telles, nesses três meses que trabalharam conosco. O Valter chegou há um mês, mas está nos agradando, já que fez o possível no estadual. Não foi ele quem montou o time e até que foi bem. Teve mais resultados positivos do que negativos, então a tendência é continuar. Mas vamos estudar algumas mudanças dentro do Comercial”, contou Mangini ao Arquibancada MS.

O presidente coloca como prazo até 20 dias para estar com novos reforços, que devem começar a chegar já na próxima semana. Mangini admite que devido à diferença técnica entre o estadual e a Série D, o time deverá fazer várias contratações nos próximos dias.

“Temos de iniciar o planejamento pra Série D, que é o nosso foco principal. A reunião já estava marcada, independente do resultado de domingo. Estamos conversando com vários jogadores que disputam outros estaduais e na próxima semana começam a chegar novas contratações”, afirmou.

Possível recurso no TJD

Logo após a eliminação, no domingo (9), para o Sete de Setembro, dirigentes e pessoas ligadas ao clube afirmaram um possível recurso no Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso do Sul (TJD/MS), alegando irregularidade em um adversário no estadual. No entanto, Mangini disse que o clube ainda não tem qualquer posicionamento sobre essa possibilidade, afirmando que até o momento, tudo não passa de boatos.

“A gente não avaliou nada ainda. Não tem nada de concreto sobre isso, é só especulação que vem de fora do Comercial. A gente está sabendo disso pela imprensa”, concluiu, de forma breve.


Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.