Header Ads

Zagueiro que agrediu árbitro sul-mato-grossense é denunciado e pode pegar até 180 dias de gancho

Zagueiro empurrou o árbitro ao chão após ser expulso
(Foto: Rodrigo Villalba/GloboEsporte) 
O descontrole emocional do zagueiro Ferreira, do Guarani, após ser expulso na decisão da Série C contra o Boa Esporte, em Varginha/MG, no último sábado (4), não deve sair barato. O defensor foi denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por agredir o árbitro sul-mato-grossense, Marcos Mateus Pereira, e pode ser suspenso por até 180 dias.

O fato aconteceu aos 16 minutos do segundo tempo, quando o Guarani já perdia por 2 a 0. Na jogada, o zagueiro Ferreira, em uma disputa perto da linha lateral direita e na proximidade do meio-campo, deixou o braço no atacante Rodolfo que valorizou o contato colocando as mãos no rosto, acarretando na expulsão direta do defensor bugrino.

Após ver a cor do cartão, Ferreira partiu para cima de Marcos Mateus e o derrubou com um empurrão. O jogador chegou a pegar a bola para voltar a agredir o árbitro, mas foi contido pelos companheiros e até atletas do time mineiro. Após o jogo, Marcos Mateus chegou até a registrar Boletim de Ocorrência contra o jogador no 24º Batalhão da Polícia Militar de Varginha.

O STJD enquadrou a atitude do jogador no artigo 254, por praticar jogada violenta, e no artigo 254-A, §3º, por agressão física contra o árbitro. No primeiro, o zagueiro pode pegar até seis jogos de suspensão, enquanto no segundo, o gancho é de 180 dias. Ainda não há data para julgamento do processo.

Veja o lance:

Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.