Header Ads

Equipes de MS, FFMS e torcidas prestam solidariedade às vítimas de acidente com delegação da Chapecoense

O dia 29 de novembro de 2016 ficará marcado por um dos momentos mais tristes na história do futebol brasileiro. A caminho de Medellín, na Colômbia, para disputar o primeiro jogo da inédita final da Copa Sul-Americana, o avião que levava jogadores e comissão técnica da Chapecoense, além de jornalistas e outros convidados que iriam assistir a decisão, caiu próximo à cidade colombiana e, até o momento, tem 75 mortes confirmadas.

Não alheio à fatalidade, equipes, torcedores e a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS) prestaram solidariedade às vitimas e ao clube catarinense. Único clube do Estado a já ter enfrentado a equipe Condá, o Naviraiense foi um dos times a se manifestar, assim como o Operário, Comercial, Novoperário, Serc, Corumbaense e Náutico, da capital. O gestor do Sete de Setembro, Tony Montalvão, e a principal torcida organizada do clube, Máfia Independente, também se colocaram em luto.

Em nota, o presidente da FFMS, Francisco Cesário, decretou luto e lamentou a morte do presidente da Federação Catarinense de Futebol (FCF), Delfim de Pádua Peixoto Filho, definido como um amigo de longa data e elogiou. “Combativo na defesa dos seus ideais, apaixonado pelo futebol, e acima de tudo um exemplar pai de família, as nossas lágrimas se irmanam às dos queridos familiares e amigos”, disse.


Confira as homenagens:


Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.