Header Ads

Fundesporte acredita em liberação do Morenão até dezembro e garante estádio para estadual 2017

Morenão pode voltar a receber jogos a
partir de 2017 (Foto: Divulgação)
A novela pelo retorno do estádio Morenão pode estar próxima do fim. Interditado pelo Ministério Público Estadual (MPE) em outubro de 2014, o estádio pode ser liberado até dezembro deste ano. Essa é a expectativa do presidente da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Marcelo Miranda, que afirmou ao Arquibancada MS que o local estará apto para o Campeonato Sul-Mato-Grossense de 2017.

Com o objetivo de partilhar a administração do estádio nos próximos anos, a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) já fez uma proposta para ceder a concessão ao Governo do Estado, que está sendo analisada, entretanto, os estudos necessários para que a liberação aconteça já está sendo feito. “Já estão sendo feitos os estudos de viabilidade técnica, de custos, para fazer as adequações. Não tem nada firmado ainda, mas acredito que em breve teremos uma posição positiva”, disse Miranda.

Integrante da proposta elaborada pela Fundesporte, que tem o objetivo de trazer partidas da Série A do Campeonato Brasileiro ao estádio, a revitalização do estádio não acontecerá tão breve. De acordo com o presidente da Fundação, devido ao curto período até o estadual, a meta é concluir as negociações e fazer as melhorias básicas para que o público possa voltar e que novas partidas aconteçam no local.

“Os processos de estudo para as reformas no Morenão já estão sendo feitos para ganharmos tempo, já que faltam dois meses e meio para o campeonato. A gente acredita que consegue fazer as adequações básicas para liberar para o campeonato estadual, não vai ter dificuldade nisso. [O que] não vai ter é a revitalização que a gente esperava pra agora”, afirmou Miranda.

Estádio está interditado desde outubro de 2014
(Foto: Reprodução)
Além dos três clubes da capital já garantidos na Série A do próximo ano, a pressão pelo retorno já para o próximo estadual vem na TV Morena, empresa que fará pelo sétimo ano consecutivo a transmissão da competição e questiona a viabilidade e logística de transmissões no estádio Jacques da Luz, nas Moreninhas, único local de Campo Grande que têm os laudos para receber jogos oficiais.

Na próxima quinta-feira (27), clubes, TV Morena e Fundesporte se reúnem para discutir os valores que deverão ser repassados a cada clube e a liberação do Morenão deverá também ser colocada em pauta.

As equipes têm até o início de janeiro para indicar o estádio em que mandarão os jogos do estadual. Caso o estádio já esteja com todos os laudos aprovados, Comercial, Novo e Operário devem apontar o Morenão como casa, porém, se a liberação ainda não tiver concluída, o Operário já afirmou que jogará no estádio Olho do Furacão, enquanto os outros dois clubes da capital devem seguir no estádio das Moreninhas.
Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.