Header Ads

Saiba o que cada equipe precisa fazer para chegar à segunda fase do estadual sub-17 neste final de semana

Dezoito equipes lutam por nove vagas na última rodada (Foto: Reprodução/Facebook)

O Campeonato Sul-Matogrossense sub-17 chega ao final de sua primeira fase no próximo sábado (3), quando 13 partidas acontecem em todas as partes do Estado. Das 35 equipes que iniciaram a disputa, onze já confirmaram classificação com uma rodada de antecedência, outros seis times já estão eliminados, restando 18 agremiações, que lutam pelas últimas nove vagas restantes.

Para te poupar dos cálculos, o Arquibancada MS explica abaixo o que seu time precisa fazer para seguir vivo na disputa pelo caneco que nos últimos dois anos ficou em Anastácio, com a equipe do Seduc. Confira:

Grupo A

O Seduc, atual bicampeão, já está praticamente classificado, enquanto o São José, de Ladário, tem pouquíssimas possibilidades de avançar. Sendo assim, a disputa maior fica entre Corumbaense e Mirandense.

Seduc: Só perde a vaga caso seja derrotado para o Corumbaense por três gols de diferença e o Mirandense vença o time de Ladário por uma diferença de dois gols. Qualquer outro resultado confirma a vaga.

Corumbaense: A única possibilidade de avançar sem necessitar de outros resultados é vencendo o Seduc por três gols de diferença. Vitória por qualquer outro placar classifica o time de Corumbá desde que o Mirandense consiga no máximo um empate em seu jogo. Em caso de empate contra o time de Anastácio, o galo carijó precisará torcer por uma derrota do Mirandense para o São José.

Mirandense: Terá a vantagem de jogar sabendo qual resultado precisará para se classificar. Em caso de empate no outro jogo do grupo, precisará de uma simples vitória para seguir no torneio. Uma vitória do Seduc por dois, ou mais, gols de diferença dará a vaga ao time de Miranda até com uma derrota simples. Em caso de vitória do Corumbaense, o Mirandense avança desde que também vença, mas por uma diferença de gols superior ao triunfo do galo carijó.

São José: Precisa de uma combinação de resultados improvável para seguir no torneio. Fica com a segunda vaga do grupo apenas se golear o Mirandense por, pelo menos, cinco gols de vantagem e o Corumbaense perder para o Seduc. Qualquer outra combinação elimina o time de Ladário.

Grupo B

Com duas vitórias em dois jogos, o Nioaque não só está classificado, como também já garantiu a primeira colocação do grupo, aguardando apenas a definição de quem será o segundo colocado do grupo A para conhecer seu adversário na fase seguinte. Por outro lado, sem pontos até o momento, o Antonio João está eliminado. A briga pela segunda colocação fica entre Porto Murtinho e Bonitto, que se enfrentam a partir das 15h no estádio Walfrido Concha, em Porto Murtinho.

Porto Murtinho: Além de jogar em casa, terá a vantagem de poder empatar para ficar na segunda posição do grupo.

Bonitto: Classifica apenas se superar os donos da casa, independe do placar. Empate ou derrota elimina o time do torneio.

Grupo C

Desde a primeira rodada o grupo já está definido. A briga era de apenas três times por duas vagas e o Juventus, de Bandeirantes, ainda facilitou ainda mais a vida dos rivais, sendo eliminado por WO por não comparecer ao jogo contra o Conquista. Com isso, a vitória dos alviverdes sobre o EC Campo Grande no último final de semana garantiu a liderança do grupo, deixando os rivais na segunda colocação. Conquista e Campo Grande aguardam a conclusão do grupo D para conhecer seus próximos concorrentes.

Grupo D

Outro grupo em que apenas três equipes disputam a classificação, no entanto, neste, a última rodada reserva um confronto direto pela vaga. O Vitória, com quatro pontos, já está garantido na segunda fase, porém, terá de esperar o confronto entre Moreninhas e Náutico para saber sua posição.

Moreninhas: Derrotado no único jogo em que disputou no grupo, a equipe das Moreninhas precisa apenas vencer para continuar no campeonato. Empate ou derrota, no entanto, concretiza a eliminação precoce.

Náutico: Com um ponto, o time da capital pode terminar a rodada como líder ou até como lanterna do grupo. Caso vença as Moreninhas por dois ou mais gols de diferença, terminará na primeira posição do grupo e enfrentará o EC Campo Grande na próxima fase. Já com o empate, fica na segunda colocação da chave e medirá forças contra o Conquista na etapa seguinte. Por outro lado, em caso de derrota, o homônimo do time pernambucano é eliminado da competição.

Grupo E

A Portuguesa, assim como o Juventus, de Bandeirante, foi eliminada logo no primeiro jogo por WO ao não comparecer para o jogo frente ao Esquerdinha. O Sesi está classificado, mas entra em campo e será decisivo para a definição da chave, que tem Esquerdinha e Comercial vislumbrando a outra vaga.

Sesi: Precisa apenas de um empate frente ao Esquerdinha para garantir a liderança da chave. Caso seja derrotado termina na segunda posição.

Esquerdinha: Para classificar, um mero empate contra o Sesi já garante a vaga, no entanto, a equipe pode sonhar mais alto e com uma vitória termina líder da chave. Uma derrota, por até um gol de diferença também garante a segunda colocação, porém, por uma desvantagem maior determina a eliminação.

Comercial: Devido a eliminação da Portuguesa, o colorado terá que apenas torcer pelo Sesi para ficar com a vaga. No entanto, uma simples vitória do Sesi não é o suficiente, tendo que a diferença ser de no mínimo dois gols, para, no saldo de gols, ultrapassar o Esquerdinha e seguir sonhando com a conquista da competição.

Grupo F

Já classificado, o Coxim folga nesta rodada final. As outras duas equipes do grupo, São Gabriel e Camapuã, se enfrentam em São Gabriel do Oeste na busca pela outra vaga do grupo.

São Gabriel: Com um ponto até o momento, o time joga em casa e precisa de um empate para se garantir na segunda colocação. Caso vença por dois gols de vantagem será o líder da chave. Derrota elimina a equipe.

Camapuã: Somente a vitória interessa aos visitantes. Independente da vantagem, o triunfo deixa a equipe no segundo posto da chave, enquanto o empate ou a derrota o mantém na lanterna e define a eliminação.

Grupo G

O Águia Negra já está classificado, mas tem a liderança ameaçada. Na outra ponta, o Franco Rezende já não aspira mais a sequência no torneio. Quem realmente definirá a continuidade no torneio serão os times do Pontaporanense e do Maracaju.

Águia Negra: Joga em casa contra o Pontaporanense e precisa de apenas um empate para garantir a ponta do grupo. Derrota o deixa na segunda colocação, justamente atrás dos rivais da fronteira.

Pontaporanense: Se classifica com o empate, mas anseia a liderança da chave, caso vença o Águia fora de casa. Por outro lado, caso o Maracaju tire a diferença de quatro gols no saldo e a equipe da fronteira saia derrotada de Rio Brilhante, será o fim da competição para o Pontaporanense.

Maracaju: Uma coisa é certa: necessita golear o Franco Rezende por, no mínimo, quatro gols de diferença. Além disso, para chegar à segunda posição do grupo precisa torcer para o Águia Negra bater o Pontaporanense, em Rio Brilhante.

Grupo H

Os classificados já estão garantidos. Cena e Naviraiense venceram o Centro Desportivo MS, de Novo Horizonte do Sul, e confirmaram as duas vagas do grupo, resta apenas decidir a ordem. As equipes se enfrentam no estádio Andradão, em Nova Andradina.

Cena: Por ter um gol a mais de saldo, o time da casa jogará pelo empate para ficar na liderança do grupo e enfrentar o segundo colocado do grupo G. Derrota, por qualquer placar, o deixa no segundo posto, encarando assim, o líder da chave vizinha.

Naviraiense: Terá de vencer para ser o melhor time do grupo pela pontuação. Empate ou derrota não o elimina, porém deixa o jacaré na segunda posição.

Grupo I

Assemelha-se muito ao grupo anterior. O Juventude, de Itaporã, foi derrotado pelos dois times de Dourados e está eliminado. Agora 7 de Setembro e Ubiratan fazem o clássico da cidade para definir a liderança.

7 de Dourados: Goleou o Juventude por 6 a 0 e construiu um saldo suficiente para jogar pelo empate frente a outra equipe da cidade. Derrota, no entanto, dá a liderança ao rival.

Ubiratan: Precisa vencer para ficar com a primeira posição da chave. O adversário joga com a vantagem de poder empatar para ficar na ponta.

Grupo J

Um dos grupos mais equilibrados na primeira fase. Todas as equipes podem terminar empatas em pontos, fazendo assim, que o saldo seja essencial para definir os dois classificados. Santo André, de Três Lagoas, e Serc, de Chapadão do Sul, com quatro pontos cada, saem na frente na disputa, mas Comercial, também de Três Lagoas, e Paranaíba ainda sonham com a sequência no campeonato.

Santo André: Enfrenta o Paranaíba fora de casa e pode empatar para garantir a vaga, porém, para ficar na primeira posição da chave precisa vencer e torcer para que a Serc não vença ou, em caso de vitória do time de Chapadão, que não tire a diferença de dois gols no saldo. Só é eliminado se perder por dois gols de diferença e a Serc não perder seu jogo.

Serc: Joga também com a vantagem de poder empatar para se classificar. Caso consiga resultado melhor que o Santo André fica com a liderança, desde que tire a diferença de dois gols de saldo. Só é eliminado se perder por dois gols de diferença e o Paranaíba não vença o Santo André.

Paranaíba: Precisa vencer e torcer para que o Comercial não vença a Serc. Só termina na liderança caso goleie seu jogo e a Serc seja derrotada no outro jogo da chave.


Comercial/TL: Situação parecida com a do Paranaíba, já que precisa vencer seu jogo e torcer para o Santo André não ser derrotado. A ponta do grupo só vem caso consiga tirar a diferença de seis gols de saldo do outro time de Três Lagoas, o Santo André.
Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.