Header Ads

Gilson marca, porém jogadores de MS pouco se destacam; Confira o desempenho dos sul-matogrossenses pelo Brasil e no mundo

Gilson comemora seu gol contra a Chapecoense (Foto: GazetaPress)

Engana-se quem pensa que por não ter competições oficiais ocorrendo no momento, o nome de Mato Grosso do Sul no cenário do futebol está estagnado e em baixa no restante do ano. Semana após semana, jogo após jogo, os atletas nascidos no Estado carregam consigo as cores azul, verde e branca da bandeira sul-matogrossense pelo Brasil e até pelo mundo.

Para manter o torcedor informado sobre o desempenho dos principais atletas nascidos em todas as partes do Estado, o Arquibancada MS traz toda terça-feira, um resumo da atuação dos jogadores durante a semana que se passou, destacando aqueles que foram bem e os que não estiveram no seu melhor.

EM ALTA

Gilson (América/MG) – Foi o destaque positivo do coelho na derrota por 2 a 1 para a Chapecoense. No primeiro tempo, fez a jogada que originou o pênalti e ainda cobrou a penalidade, abrindo o placar para o América-MG. Acabou ofuscado pelos colegas da zaga, que erraram em lances decisivos para a virada do time catarinense.

NA MESMA

Danilinho (Fluminense) – Atuou durante os 90 minutos na vitória do tricolor carioca sobre o Santa Cruz/PE por 1 a 0 em pleno estádio do Arruda. No entanto, foi pouco acionado e acabou não sendo um dos destaques da importante vitória de sua equipe.

Jean (Palmeiras) – Também titular durante o jogo todo, viu sua equipe sofrer dois gols da Ponte Preta, em casa, e perder dois pontos na disputa pela liderança da Série A do Campeonato Brasileiro. Sem participar ativamente do jogo, nem comprometer no setor defensivo, o lateral direito segue com moral com o técnico Cuca e deve manter-se titular nas próximas partidas.

Keirrison (Londrina) – Titular, o atacante foi substituído aos 27 minutos da etapa final e viu de fora sua equipe marcar aos 50 minutos e vencer, fora de casa, o CRB/AL por 1 a 0 e colar na briga pelo G4 da Série B. Apesar de pouco participativo, o atacante está confirmado como titular para o jogo desta terça-feira (23) contra o Goiás, no estádio do Café, em Londrina.

Gilton (Guarani) – Novamente o titular da lateral esquerda bugrina, o campo-grandense não comprometeu, porém viu seu time ser derrotado, fora de casa, por 1 a 0 para o Boa Esporte/MG. Há quatro rodada do fim da primeira fase, o Guarani segue líder do seu grupo, com cinco pontos de vantagem para o Juventude, primeiro time fora do grupo que se qualifica para a fase seguinte.

Ismailly (Shakhtar Donetsk) – Durante a semana atuou com titular integral na vitória de sua equipe sobre o Basaksehir, da Turquia, por 2 a 1, e também atuou no triunfo de sua equipe sobre o Dnipro por 4 a 0. Em ambos os jogos, o lateral se mostrou seguro e teve atuações elogiáveis.

Pedro Beda (Boiro/Espanha) – Pela primeira rodada do Segunda Divisão B do Campeonato Espanhol – equivalente a terceira divisão –, o atacante atuou durante todo o confronto contra o Deportivo Lealtad, em casa, porém não conseguiu deixar sua marca e sua equipe acabou derrotada por 1 a 0.

NÃO JOGOU

Bruno Vieira (São Paulo) – Mais uma vez reserva durante toda a partida. Viu do banco o titular da lateral direita, Julio Buffarini, cometer um pênalti, aos 46 minutos do segundo tempo, desperdiçado pelo atacante Valdívia, do Internacional.

Lucas Leiva (Liverpool) – Ainda contundido, o volante não foi relacionado para a partida contra o Burnley em que seu time saiu derrotado por 2 a 0.
Copyright © 2016 Arquibancada MS. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.